Portal programa ERP - SystemPort

Integrando você as novas necessidades do mundo.

Categoria: Windows

Banco de Dados – Funcionamento e Conexão

O Que é um Banco de Dados?

Banco de Dados ou Base de Dados são arquivos que armazenam registros, como informações dos clientes, produtos, vendas. Ele contém coleções organizadas que se relacionam de forma a se tornar informações durante uma pesquisa. São muito importantes para o bom funcionamento de uma empresa e é a parte principal de um sistema de informação.

São gerenciados por programas de computador chamados Sistemas Gerenciadores de Bancos de Dados (SGBD’s). O objetivo dos SGBD’s é gerenciar o acesso, a manipulação e a organização dos dados.

Acesso do System Commerce

O System Commerce usa um banco de dados gerenciado pelo Microsoft SQL Server. Este SGBD é instalado na máquina destinada a ser servidor da empresa, ou seja, o computador que irá fornecer as informações do banco de dados aos demais computadores pertencentes à empresa e responsáveis por fazer inclusões e buscas de dados. O requisito para que vários computadores acessem o mesmo banco de dados é que estejam todos conectados na mesma rede local ou através de uma VPN

Ao fazer o primeiro acesso ao System Commerce serão requisitados os dados para conexão ao banco como no exemplo abaixo

Erros de Conexão

Se o System Commerce não iniciar e apresentar a mensagem de “Erro ao tentar conectar ao banco de dados” repetidas vezes, há alguns motivos pelos quais isso está acontecendo e que você deve verificar.

  • Verifique se os dados de conexão ao banco foram escritos corretamente. Essa tela não faz distinção entre fontes escritas em CAIXA ALTA ou caixa baixa, exceto no campo de senha.
  •   Verifique se o Processo do MSSQLSERVER está executando no servidor. para isso você deve executar o aplicativo SQL SERVER CONFIGURATION MANAGER
  • Verifique se o seu computador está conectado à mesma rede que o servidor, ou se o servidor está conectado à rede.

Meu antivírus bloqueou o System Commerce. O que fazer?

Vivemos na Era da Informação. Como o próprio nome sugere, a facilidade de se obter informações sobre o que acontece no mundo em nossa volta é muito grande, sempre temos ao nosso alcance acesso à internet seja no smartphone, tablet, computador. Isso sem dúvida traz muitos benefícios, mas, infelizmente, vem acompanhado de malefícios.

Enquanto a maioria dos desenvolvedores de sistemas procuram melhorar a vida das pessoas e das empresas criando programas que facilitarão as tarefas diárias, programadores maliciosos (crackers) se aproveitam de vulnerabilidades nos Sistemas Operacionais ou outros programas de computador para, espionar ou expor a vida pessoal de outros, desestabilizar a economia de empresas. Com o objetivo de proteger os usuários desses ataques, que muitas das vezes são silenciosos, ou seja, a pessoa não percebe que está se tornando vítima, foram criados os Antivírus.

O que é vírus?

Vírus são programas de computador executados independentemente da vontade do usuário e sem seu conhecimento com o objetivo de danificar, corromper, destruir ou roubar informações armazenadas na máquina, e muitas vezes eles travam seu computador ou provocam efeitos indesejáveis.

O que é antivírus?

Os antivírus são programas de computador que detectam e eliminam os vírus nele existentes, eles também impedem a instalação e/ou propagação dos vírus.

System Commerce detectado como aplicativo potencialmente prejudicial.

Por que?

O System Commerce não oferece risco à segurança de seu computador e nem ao funcionamento dele. Porém alguns antivírus o reconhecem como vírus. Isso acontece porque o aplicativo, assim como outros programas de computador inofensivos, segue uma série de diretrizes impostas para seu funcionamento. E caso seja encontrado um documento fora do padrão de segurança, o antivírus automaticamente trata de defender o sistema da suposta ameaça. Mesmo parecendo incomum, esses alertas são frequentes em vários programas de segurança, e os motivos que os causam também são variados. Por exemplo, quando o banco de dados do programa de segurança está desatualizado, muitos arquivos e extensões nao são reconhecidos e, na tentativa de proteger o computador, o antivírus simplesmente o bloqueia.

O que fazer?

Conclua a instalação do System Commerce, antes que seja executado o aplicativo, entre nas configurações do seu programa de segurança, e adicione a pasta de instalação, SCNET60, na lista de exclusão da verificação de segurança. Assim sempre que o antivírus vasculhar os arquivos do seu disco atrás de ameaças, ele não retirará nenhum arquivo importante para a execução do ERP.

Caso o aplicativo tenha parado de funcionar depois de algum tempo de uso, você deve entrar nas configurações do programa de segurança, remover o arquivo da quarentena, em alguns casos é necessário colocar o aplicativo em uma lista de confiança, e depois adicionar a pasta SCNET60 na lista de exclusão da verificação de segurança.

*As páginas e ícones de configuração mudam de formato e de posição de acordo com o fabricante do antivírus, ao fazer alterações, siga as instruções dadas pelos desenvolvedores do programa.

Desabilitando o Controle de Conta de Usuário (UAC) para evitar erros de permissões de usuário

O UAC existe deste o Windows Vista e a princípio foi criado para que fosse possível fazer com que usuários finais não possam fazer a instalação ou alteração de arquivos do Windows. Isso traz uma camada de segurança para o S.O. com multiusuários registrados utilizando o próprio Windows como gestor de permissões baseadas em grupos de trabalho tendo assim somente usuários específicos com permissões para determinadas alterações.

O problema é que (pela voz da experiência) boa parte das empresas utilizam apenas grupos de trabalho como estrutura de rede mantendo cada pessoa com seu próprio computador ou trabalham com domínios, assim quem faz a gestão de permissões de administrador é o próprio domínio.

NOTA: este tutorial não leva em consideração a ética em TI que empresas devem seguir como boas práticas de negócio.

Nos dois casos, o UAC deixa de ser funcional:

  • No primeiro o usuário é o único usuário fixo da máquina, portanto ele deve ter condições de manipular o Windows como quiser para otimizar o trabalho que ele executa.
  • No segundo caso, em todo domínio têm-se como regra um administrador para seu pleno funcionamento e este sim deve ter o conhecimento e a capacidade de definir o que é melhor para seus usuários.

Mãos a massa!

Para desabilitar o UAC existem variações em cada versão do Windows, mas o processo é bem semelhante entre todas as versões. Abaixo está o passo-a-passo de como desabilitar o UAC no Windows 10 (Caso a sua versão não se adeque a este tutorial, acesse este link):

  1. Clique com o botão direito do mouse sobre o menu iniciar e acesse o Painel de controle (ou pesquise por Painel de controle no Cortana ou barra de pesquisa).
  2. Acesse o menu “Sistema e Segurança / Segurança e Manutenção”.
  3. Na barra lateral, clique sobre “Alterar configurações de conta de usuário”.
  4. Na tela que aparecer, defina o nível de segurança como nunca notificar e clique em “OK”.

Em alguns casos, pode ocorrer do Windows pedir para que reinicie o computador. Após executar o processo acima, seu Windows não irá lhe pedir mais para permitir o acesso a algum programa ou alguma pasta.

Não consigo acessar mais um arquivo por causa disso!

Como o Windows não pergunta mais se deseja executar alguma função ou ao acessar algum arquivo, isso faz com que os usuários entendam que esse recurso parou de funcionar mas, na verdade o Windows ainda está pedindo as permissões de administrador. Para resolver isso, você deve definir que o programa que você está abrindo sempre abra como administrador. Mãos à massa:

  1. Clique com o botão direito sobre o ícone do programa em que você irá executar o procedimento e acesse as propriedades.
  2. Na tela que abriu, acesse a aba de compatibilidade, ao final desta aba há uma opção descrita como “Executar este programa como administrador”. Marque a mesma e clique em “OK”.

Pronto. Este programa não irá mais ter nenhuma restrição de execução no Windows!

 

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén